Publicidade

Anuncie
Mundo

Tragédia: Furacão Harvey danifica 100 mil casas nos EUA

Donald Trump promete 1 milhão de dólares da sua fortuna pessoal para ajudar as vítimas da tempestade.

Via CN/efe/lusa | Publicado por Alcina Reis | às 03:25:47

Casa Branca solicitará ao Congresso fundos adicionais para responder aos danos. Donald Trump promete 1 milhão de dólares da sua fortuna pessoal para ajudar as vítimas da tempestade.A passagem do furacão Harvey pelo Texas e pela Louisiana danificou cerca de 100 mil residências, anunciou nesta quinta-feira (31/08) a Casa Branca. Devido aos danos, o governo de Donald Trump solicitará ao Congresso fundos de emergência para responder aos estragos da catástrofe.

O assessor de Segurança Nacional e Antiterrorismo dos Estados Unidos, Thomas Bossert, afirmou numa coletiva de imprensa que os fundos de emergência com os quais conta o governo têm liquidez, mas ressaltou que a Casa Branca solicitará financiamento adicional.

No caso do furacão Sandy em 2012, que alagou as costas de Nova Jersey e Nova York e provocou um impacto menor do que Harvey no Golfo do México, o Congresso aprovou 60 bilhões de dólares de ajuda adicional para a recuperação após a passagem da tempestade.

A quantia adicional requerida pelo governo pode chegar a 100 bilhões de dólares. Bossert não apontou, porém, cifras concretas.

Especialistas assinalam que o Fundo de Alívio de Desastres Naturais da Agência Federal de Gestão de Emergências (FEMA), atualmente de 2,2 bilhões de dólares, se esgotará com rapidez diante à magnitude dos danos.

A Casa Branca anunciou ainda que Donald Trump vai doar 1 milhão de dólares da sua fortuna pessoal para ajudar as vítimas da tempestade. Jornalistas serão chamados para sugerir quais organizações receberão o dinheiro.

Regaste continua

Os trabalhos de resgate continuam nesta quinta-feira em várias cidades do Texas após a passagem do devastador furacão, que já deixou mais de 30 mortos e dezenas de milhares de deslocados, e agora ameaça a área fronteiriça com a vizinha Louisiana.

Em Houston, a cidade mais afetada e onde afortunadamente não choveu nas últimas 24 horas, mais de 32 mil pessoas continuam em abrigos temporários.

A chuva que caiu em Houston, no Texas, desde a chegada do Harvey—furacão de categoria 4 numa escala de 5, que se transformou em tempestade tropical -, atingiu em quatro dias a altura de 127 centímetros, causando inundações sem precedentes na cidade de 2,3 milhões de habitantes.

Uma indústria de produtos químicos localizada cerca de 25 quilômetros a noroeste de Houston registrou duas explosões nesta quinta-feira, após as inundações. O local produz peróxidos orgânicos utilizados na produção de resinas plásticas, poliestireno, tintas e outros produtos.

A fábrica tinha sofrido um apagão no domingo, que afetou os geradores de reserva durante as fortes chuvas trazidas pelo furacão Harvey. As instalações ficaram então sem sistema de refrigeração para produtos químicos, que podem se tornar voláteis à medida em que a temperatura no exterior aumenta.

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest

Publicidade

Anuncie