Publicidade

Trabalho
Polícia

Polícia apreende pistola usada em três ataques a agentes penitenciários

Via Redação | Publicado por Administrador | às 09:45:48

Arma usada em três atentados contra agentes penitenciários foi apreendida pela Polícia Nacional do Paraguai, em Pedro Juan Caballero, cidade vizinha de Ponta Porã (a 323 km de Campo Grande).

A pistola Smith & Wesson calibre 9 milímetros estava em poder de Derlis Samudio Ojeda, 19, preso no dia 28 do mês passado acusado de participar do assalto a um restaurante de Pedro Juan Caballero.

Através do Sistema de Identificação de Balística, a polícia descobriu que a arma foi usada no atentado contra a casa de Norma Raquel Ramos, 28, funcionária do sistema penitenciário paraguaio, no dia 1º de março deste ano. Bandidos em uma moto passaram em frente à casa, localizada no Bairro General Genes, e dispararam tiros contra o portão.

No dia 26 de maio, a pistola 9 milímetros foi utilizada pelos pistoleiros que executaram o agente penitenciário Juan Carlos Valiente Quiñónez, 37, no Bairro Obrero, na mesma cidade.

Ele tinha acabado de sair da Penitenciária Regional, após o turno de trabalho e seguia para casa. A cem metros da cadeia, foi alcançado pelos dois pistoleiros em uma moto e alvejado por tiros de pistola.

Testemunhas avisaram aos demais agentes penitenciários sobre o atentado e os próprios colegas socorreram Juan Carlos ao hospital da cidade, mas ele morreu antes de receber atendimento.

O terceiro atentado em que a pistola foi usada ocorreu no dia 10 do mês passado, também no Bairro de Obrero. O agente penitenciário Carlos Pana Ibarrola, 42, foi alvejado a tiros por pistoleiro que estava de bicicleta, mas sobreviveu.(CAMPO GRANDE NEWS)

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest