Mundo

Parlamento da UE declara Rússia um “estado patrocinador do terrorismo”

Via Redação | Publicado por Administrador | às 18:25:35

O Parlamento Europeu declarou a Rússia um “estado patrocinador do terrorismo” , dizendo que os “ataques e atrocidades deliberadas” de Moscou na Ucrânia violam os direitos humanos e as leis humanitárias internacionais.

Os legisladores europeus aprovaram a resolução na quarta-feira com 494 votos a favor, 58 contra e 44 abstenções.

“Os ataques deliberados e as atrocidades perpetradas pela Federação Russa contra a população civil da Ucrânia, a destruição de infraestrutura civil e outras graves violações dos direitos humanos e do direito humanitário internacional constituem atos de terror”, diz a resolução.

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskyy, saudou a votação, e disse que a “Rússia deve ser isolada em todos os níveis e responsabilizada”. Apesar da medida ser simbólica, pois a União Europeia não tem estrutura legal para apoiá-la, a votação pode desencadear em outros conflitos diplomáticos.

Zelenskyy também apelou que os Estados Unidos e outros países a sigam o exemplo e acusem Moscou de alvejar civis, a Rússia nega ataque a pessoas não relacionadas as tropas militares.

IG

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest