Publicidade

PMCG
Fronteira

Pai de policial da fronteira presenciou a execução do filho

Via Redação | Publicado por Administrador | às 09:04:58

O pai do agente de investigações da Polícia Nacional do Paraguai Antonio Alvarenga, presenciou o atentado que resultou na morte do filho, na tarde desta segunda-feira, dia 11 de maio, em Yby Yau, povoado localizado no departamento de Concepción, a 100 quilômetros de Pedro Juan Caballero, na fronteira entre Brasil e Paraguai através de Ponta Porã

De acordo com o Campo Grande News, Luis Alvarenga contou que estava sentado com o filho na frente da residência da família, quando os criminoso chegaram de veículo ao local e começaram a atirar.

O pai se jogou no chão para não ser atingido pelos disparos enquanto o filho Antonio saiu correndo.

No entanto, o agente acabou sendo baleado a cerca de 50 metros de sua casa, e morreu na hora. O pai da vítima não soube especificar qual o modelo de veículo usado pelos criminosos.

Ainda de acordo com o site, segundo o comissário Mariano Echeverría, chefe da 7ª Delegacia de Polícia em Yby Yaú, a vítima foi atingida por disparos de pistola calibre 9 milímetros.

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest