Capital

Nova Lima: Polícia fecha rinha e apreende 90 galos de briga e homem é multado em 45mil

Via Redação | Publicado por Administrador | às 08:29:41

A PMA (Polícia Militar Ambiental) e o 9º Batalhão da PM fecharam local usado para rinha de galos em casa no Bairro Nova Lima, extremo norte de Campo Grande, na tarde deste sábado (27). No local, policiais encontraram 90 galos de briga, todos mutilados.

Conforme divulgou o Campo Grande News, o homem de 40 anos se apresentou como proprietário do local e disse aos agentes que criava os galos para exportar à Bolívia, onde seriam usados em rinhas. Porém, policiais encontraram estrutura ampla e indícios de que a rinha funcionava ali mesmo, na casa do rapaz.

Foram apreendidas várias esporas, biqueiras artificiais, seringas, remédios, capas para transporte dos galos e gaiolas extremamente apertadas, onde os animais eram mantidos. As jaulas de madeira restringiam movimentos, privavam os bichos de luz solar e de circulação adequada de ar.

Chovia no momento da batida e os galos que estavam em gaiolas de ferro ficavam expostos às precipitações.

Os 90 galos apreendidos são da espécie Gallus gallus domesticus, o famigerado galo-índio. A PMA constatou animais com ferimentos na crista e no peito. Todos eles estavam mutilados, com as esporas cortadas. Algumas das esporas foram encontradas no local, o que, para a polícia, indica o emprego dos animais em rinhas.

O homem de 40 anos foi levado à delegacia de Polícia Civil na Capital e responderá por crime ambiental de maus-tratos a animais. A PMA ainda aplicou multa de R$ 45 mil contra o rapaz.

Os galos e as gaiolas ficaram com o homem, como fiel depositário, uma vez que não havia local adequado para armazenagem. Ele deve manter tudo como está, sob pena de prisão e nova multa ambiental.

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest