Publicidade

natal
Governo do Estado

MS ganha primeira indústria de bolsas de couro, investimento de R$ 1 milhão e que vai gerar 150 empregos

Via Redação | Publicado por Administrador | às 06:31:10

Agregar valor ao couro bovino, gerar emprego e divulgar as belezas do Pantanal. Com este propósito foi inaugurado nesta quinta-feira (17), em Rio Negro, a Zanir Furtado, primeira indústria de bolsas de couro de Mato Grosso do Sul. O empreendimento conta com apoio do Estado, por meio da Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar).

“Empresário que não sonha, não sai do lugar. Essa indústria traz referência de marca Pantanal, é a primeira do Estado em bolsa de couro e contribui para o desenvolvimento de Rio Negro. Este produto que agrega valor à matéria prima que é o couro e que vai ser vendido não só para o Brasil, mas para o mundo, pela qualidade, e teremos uma vinculação com o município para atrair novos investimentos”, destaca o titular da Semagro, secretário Jaime Verruck.

O investimento para transformar o empreendimento em realidade soma R$ 1 milhão e até o momento são 15 empregos diretos gerados, com expectativa de chegar a 150 postos de trabalho em três anos de produção. A empresária Zanir Furtado, que empresta o nome à marca, é nascida no município e viu no sonho de produzir bolsas de couro que valorizem a beleza da natureza, a chance de transformar a realidade.

“Queremos que as pessoas se sintam parte deste produto, para que ele tenha a alma do trabalhador de Mato Grosso do Sul e que contribua para divulgar ao mundo as belezas que temos ao nosso alcance”, afirma Zanir. As bolsas já estão sendo vendidas hoje e poderão ser adquiridas via instagram da marca. Saiba mais no @zanirfurtado.

Prefeito de Rio Negro, Cleidimar Camargo, mais conhecido como Buda do Lair, destacou que o investimento inédito representa um marco para o município. “Rio Negro merece esse sonho e esse investimento e com certeza temos muito orgulho de levar o nome Zanir Furtado junto ao município para fora”.

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest