Publicidade

outubro
CORONAVÍRUS - Covid-19

Homenagem póstuma ao amigo Otávio Augusto mais uma vítima do Coronavirus em Campo Grande

Via Redação | Publicado por Administrador | às 07:54:18

Amigo, bom ouvido e bom para levantar astral. Boa auto-estima. Respeito e gosto de ser respeitado. Pacifista, espiritualista, acredito que não há limites para o nosso crescimento intelectual e espiritual. Acredito na cultura como forma de melhorar os relacionamentos.

Assim se descrevia e de fato era o geólogo e amigo Otávio Augusto Rocha de Lima, irmão do conhecido ginecologista e ex-vereador de Campo Grande Dr Flavio Renato, Otávio foi internado no dia 20 de agosto e faleceu nesta segunda-feira (13) por complicações comCovid-19 no hospital Regional logo após chegar de uma viagem à Bahia.

Otávio faleceu aos 66 anos e deixa sua companheira Irenice Gonçalves da Silva, com quem conviveu durante 31 anos e 5 filhos Rodrigo, Luciana, Bruno, Tatiana e Caio.

Ainda sobre sua auto-descrição, o amigo querido citava músicas que parece terem sido feitas pra ele,

Sobre relacionamentos e vida? Veja isso e tire conclusões:

“Se chorei ou se sofri, o importante é que emoções eu senti.”

“Se amanhã não for nada disso, caberá só a mim esquecer (e eu vou sobreviver). O que eu ganho, o que eu perco, ninguém precisa saber.”

Quem teve o prazer de conhecer Otávio, que tinha um sorrizão como marca registrada, teve (literalmente) um grande e generoso amigo de todas as horas, detentor de uma paciência e resiliência sem limites.

“Filosofia de vida? Quanto menos coisas, dores, mágoas, culpas, mais fácil voltar pro verdadeiro lar, pra verdadeira vida. Soltar a alma, amar a todos, ser grato por todos os recursos colocados à nossa disposição na vida terrena nos permite uma viagem mais tranquila e rápida.” frase de Otávio em seu facebook

“E o homem possui a fala e a fala edifica o canto.

No canto repousa a alma, da alma depende a calma.

E a calma é irmã do simples e o simples resolve tudo

Mas tudo na vida, às vezes, consiste em não se ter nada.”

“Irmãos da Lua” - Renato Teixeira

Vá em paz meu amigo, você cumpriu sua missão com maestria e deixou grande legado a todos!

Alcina Reis

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest