Capital

Dentista é preso em flagrante com material de abuso sexual infantil, na Capital

Via Redação | Publicado por Administrador | às 10:39:25

Dentista e professor universitário de 52 anos, que não teve o nome divulgado pela polícia, foi preso na manhã desta terça-feira (31) com material de abuso sexual infantil. O flagrante aconteceu no consultório odontológico onde o suspeito atendia, no cruzamento das ruas Rio Grande do Sul com a Piratininga. No local, foram apreendidos 4 CPUs, 1 HD e 1 celular. Buscas também foram feitas buscas no carro do autor, um Jeep Compass cinza.

Conforme a delegada Fernanda Mendes, da Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), o dentista armazenava, disponibilizava e compartilhava esse material, permanentemente. Os computadores gravaram arquivos desde 2010.

“A gente vai ter que analisar o HD, porque ele assistia e deletava, mas ficou um remanescente. Vai ter material de abuso sexual infantil em todos esses computadores ”. No consultório, o dentista atendia crianças também, mas na presença dos pais, segundo informou a secretária à polícia.

Segundo Fernanda, o dentista já era monitorado havia 6 meses e foi preso pelos crimes de armazenar, disponibilizar e compartilhar arquivos com conteúdo de pornografia infantil. O alvo foi preso em flagrante e vai passar por audiência de custódia na Justiça amanhã, para definir se ficará preso esperando o andamento do inquérito e posterior processo ou se poderá responder em liberdade.

Indagado, o profissional disse à polícia que assistia, deletava e não sabia que era crime. “Assim como crimes físicos deixam rastros, o cyber crime também deixa”, pontuou a delegada. O dentista foi preso dentro da Operação Predador, contra abuso sexual infantil, desencadeada no dia 18 deste mês.(CAMPO GRANDE NEWS)

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest