Publicidade

natal
Capital

Com 3 ruas, novo acesso às Moreninhas deve ficar pronto em 2022

Obra está em fase de contratação de projeto; novo acesso é aguardado com expectativa

Via Redação | Publicado por Administrador | às 17:39:34

Em fase de contratação de projeto, a obra de construção do novo acesso às Moreninhas, na região sudeste de Campo Grande, deve começar no segundo semestre do ano que vem, com expectativa de ser concluída em 2022. A previsão é do titular da Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos), Rudi Fiorese, que enxerga melhorias para a região.

“É uma obra muito importante, uma vez que atualmente só temos um acesso às Moreninhas, pela Gury Marques. É uma região que está crescendo, com novos loteamentos, então será uma alternativa a mais”, comemora Rudi.

O acesso sairá do Bairro Rita Vieira, por meio da avenida que leva o nome do bairro. Inclusive, a região já está em obras, desde o fim de outubro, prolongamento no prolongamento da via,

Na região, inclusive, obras são realizadas atualmente no prolongamento da via, até a Avenida Guaicurus. A partir dali, o percurso será pela Avenida Salomão Abdala, chegando próximo ao anel rodoviário, na BR-163, onde três novas vias serão criadas, à direita.

As novas ruas ligarão a região até a Avenida Altos da Serra, já nas Moreninhas. A obra, aguardada com bastante expectativa, deve entrar em fase de licitação em breve.

“A gente está contratando o projeto, podendo as propostas serem entregues até dia 7, e o projeto estando pronto, a obra vai para a fase de licitação. Com isso, a gente espera começar no segundo semestre do ano que vem”, explica Fioresi. Ao todo, a obra que conta com investimentos do Governo do Estado, está orçada em R$ 45 milhões.

Shopping - E tudo indica que a região das Moreninhas deve crescer e receber ainda mais investimentos. Outdoor instalado recentemente, na região, indica a construção do Shopping Cidade Morena, que deve ser construído em terreno de 63 mil m², com 21 mil m² de área locatável, ou seja, somatória da área disponível para locação das lojas.

O empreendimento, que tem como construtora responsável a Celso Hirota, já tem até site com informações de como será.

Na ficha técnica, o shopping anuncia que vai abrigar 196 lojas satélites, sete lojas âncoras e quatro semi-âncoras, seis mega-lojas, além de praça de alimentação com capacidade para 1,4 mil lugares, três restaurantes e até um cinema.

Ainda no site, o shopping se mostra aberto para investimentos de franquias divididas em três faixas: até R$ 200 mil, até R$ 500 mil e acima de R$ 500 mil.

(CAMPO GRANDE NEWS)

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest