VOCÊ VIU ISSO?

Biólogos salvam a vida de tartaruga grávida que foi mordida por tubarão na Flórida

Via | Publicado por Administrador | às 06:08:39

No início deste mês, biólogos e cuidadores do Zoológico de Miami, na Flórida (EUA) ficaram encarregados de cuidar de uma tartaruga grávida resgatada após ser mordida por um tubarão próximo à orla da praia.

Desde então, o réptil está em acompanhamento e passa a maior parte do tempo dentro de um tanque aquático especialmente desenvolvido para ele.

Durante o resgate, os biólogos encontraram a futura mamãe com a nadadeira esquerda bastante machucada, além de fraturas em seu casco.

Biólogos salvam a vida de tartaruga grávida que foi mordida por tubarão na Flórida

Ao chegar no Zoo, ela ainda conseguiu botar mais de 100 ovos!

Biólogos salvam a vida de tartaruga grávida que foi mordida por tubarão na Flórida

De acordo com a emissora WTVJ, a tartaruga não corre risco de vida e está em plena recuperação. Ela tem 50 anos e pesa 176 kg. Em breve, estará 100% sadia para se dedicar aos seus filhotes!

Biólogos salvam a vida de tartaruga grávida que foi mordida por tubarão na Flórida

Nesse meio-tempo, o pessoal do zoológico a batizou de Baymax.

Enquanto permanece sob os cuidados do local, a tartaruga tem recebido uma dieta de rainha, à base de líquidos, vitaminas e alimentos que incluem lulas e caranguejos.

Também foi medicada com cálcio e oxitocina para cicatrizar as feridas na pata e no casco mais rápido.

Biólogos salvam a vida de tartaruga grávida que foi mordida por tubarão na Flórida 2

Espera-se que até o final do ano Baymax e seus dezenas de filhotes sejam devolvidos à natureza!

“Temos esperança de que a grande maioria dos ovos sejam férteis e eclodam com sucesso”, disse o zoológico em um post no Facebook.

Os profissionais encaminharam os ovos com muito cuidado para a equipe do Programa de Conservação de Tartarugas Marinhas dos Parques do Condado de Miami-Dade, que os colocou em um ninho artificial para incubação enquanto a tartaruga se recupera.

Da mesma forma, a equipe ficou feliz por ter ajudado o animal. “Graças aos seus cuidados no Zoo Miami, ela teve sua melhor chance de sobrevivência e espera-se que supere esses desafios e retorne à natureza em breve!”, completou o zoo.



Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest