Publicidade

alems
Capital

Atentado que matou homem no Macaúbas foi passional e encomendado da cadeia

Via Redação | Publicado por Administrador | às 17:13:38

A polícia já identificou e prendeu o mandante do crime que resultou na na morte de Everton Alexandre Farinha dos Santos, de 35 anos, ocorrido no dia 8 de abril deste ano no Jardim das Macaúbas, em Campo Grande.

De acordo com o delegado Rodolfo Daltro, da 5ª DP (Delegacia de Polícia), o crime foi passional. Everton se relacionava com uma mulher que também era envolvida com o mandante do crime.

O mandante, em suas “idas e vindas” da cadeia, sempre procurava essa namorada específica quando estava solto. Em certo momento, estando preso, descobriu que a namorada também estava envolvida com Everton. Por isso ele ordenou a morte de Everton, o amante de sua mulher, de dentro da cadeira.

Ainda de acordo com Daltro, os atiradores também já foram identificados. “Dá para perceber que os dois eram inexperientes. Eles terem atropelado uma pessoa na fuga e ainda terem retornado ao local do crime para confirmar se Everton estava morto, evidencia a inexperiência deles”, detalha o delegado. A polícia realiza diligências atrás dos autores.

Caso - Everton morreu depois de ser baleado em frente a uma oficina mecânica. Uma dupla em um veículo Gol passou atirando, acertou ele vítima e, ao dar ré, ainda atropelou uma mulher de 47 anos que estava no local. O homicídio foi registrado na Rua do Patrocínio, no Jardim Macaúbas.

Na oficina onde Everton morreu, foram recolhidas pelo menos 12 cápsulas de arma de fogo. Ele tinha passagem policial por tráfico. (CAMPO GRANDE NEWS)

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest