Capital

Pecuarista de 38 anos é morta em casas após sequestro em atacadista

Via Redação | Publicado por Administrador | às 15:54:02

Andréia Aquino Flores, 38, foi morta na casa onde morava na tarde desta quinta-feira (28/7), em Campo Grande, após ser sequestrada em um atacadista. Ela morava em um condomínio no Bairro Chácara Cachoeira, foi pega quando saia do Fort Atacadista da Rua Marquês de Lavradio.

As circunstâncias em que a mulher foi assassinada ainda não foram divulgadas pela polícia, a suspeita é que teria sido asfixiada, conforme o Campo Grande News.

O Corpo de Bombeiros foi o primeiro a chegar no local e em seguida policiais do Batalhão de Choque, GOI (Grupo de Operações e Investigações), DEH (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Homicídios) “fecharam” o condomínio.

Uma equipe da Derf (Delegacia Especializada em Roubos e Furtos), o que reforça a suspeita de tenha havido um assalto em uma das residências.

De acordo com um prestador de serviços que foi liberado para sair do local, uma moradora teria sido sequestrada e morta. A polícia teria sido chamada quando bandidos ainda faziam reféns.

Não há informações sobre se os criminosos foram presos ou conseguiram escapar. “Ninguém entra e ninguém sai agora”, explicou o técnico em telefonia, que por medo, pediu para ter o nome preservado.

Funcionários do condomínio também receberam ordens para não conversar com a imprensa.

Equipe da Derf (Delegacia Especializada em Roubos e Furtos) chegou por último, junto com carro de funerária.

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest