Publicidade

Campanha
Brasília

Vereador cobra explicações de Consórcio Guaicurus após denúncia acerca de ônibus parados

O parlamentar, destacou a possibilidade de convocar representantes da Prefeitura Municipal de Campo Grande e do Consórcio Guaicurus para debater as condições do transporte público na Capital.

Via REDAÇÃO | Publicado por Redação | às 11:02:02

As denúncias em relação ao número de ônibus que não estariam em uso pelo Consórcio Guaicurus foram tema de discussão na sessão ordinária desta terça-feira (25) na Câmara Municipal de Campo Grande.

Para o vereador Otávio Trad (PTB), presidente da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final da Casa de Leis, é necessário investigar o caso, porém, é preciso se ater aos trâmites legais previstos na Lei Orgânica do Município e no Regimento Interno da Câmara Municipal para garantir a eficácia da fiscalização.

“Realmente, existem algumas questões que estão sem respostas. Acredito que este seja momento de verificarmos com maior ênfase a questão dos contratos até para que possamos responder às questões da população. Uma CPI tem sua validade e importância desde que colocada no momento oportuno. Temos diante do nosso regimento interno e Lei Orgânica vários instrumentos que antecedem a CPI.”

Otávio ressaltou a importância de averiguar as denúncias referentes ao número de veículos disponibilizados pelo consórcio e ao quantitativo de ônibus que compõem a frota reserva. O parlamentar, inclusive, destacou a possibilidade de convocar representantes da Prefeitura Municipal de Campo Grande e do Consórcio Guaicurus para debater as condições do transporte público na Capital.

“Sou a favor de todo e qualquer tipo de investigação desde que respeitadas questões antecedentes a ela. Inclusive, cabe a nós, conforme Art. 25 da Lei Orgânica, convocar, se necessário, o secretário e a concessionária para prestar informações”, finaliza.

Assessoria de Imprensa Vereador

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest

Publicidade

vermelho