Publicidade

Campanha
Artigos

“Um mistério existencial”

José Passarelli

Via José Passarelli | Publicado por Alcina Reis | às 05:55:55

Uma tragédia pessoal incitou o filósofo e jornalista americano Jim Holt a sair em busca de respostas para algumas das perguntas mais básicas a respeito do mistério da existência humana: Por que existe algo e não apenas o nada? Por que há um universo do qual fazemos parte? Como um verdadeiro detetive, ele iniciou uma investigação sobre o tema que ao mesmo tempo fascina e atormenta grandes pensadores, desde Platão, Sócrates e Leibniz a Heidegger, Nietzsche e Wittgenstein.


Até os dias de hoje, a questão provoca acirrados debates entre pensadores religiosos, que consideram a hipótese de Deus como a única capaz de fornecer uma resposta verdadeira, e os ateístas, para quem somente a ciência poderia explicar o surgimento de nosso Cosmos.


Em busca de pistas para solucionar o mistério, Holt cai na estrada. Deixa Nova York, viaja pelos EUA e cruza o oceano. Na Inglaterra faz escala em Londres e Oxford. E ainda tem tempo para fazer uma parada reflexiva no famoso Café de Flore, reduto dos existencialistas em Paris, frequentado por Jean-Paul Sartre e Simone de Beauvoir. Pelo caminho, ele conversa com alguns dos nomes de grande destaque em diferentes áreas de atuação, como o escritor John Updike, o filósofo Adolf Grünbaum, o teólogo Richard Swinburne, o matemático Roger Penrose e o físico Andrei Linde.


O resultado de suas inquietações ganha vida em 'Por que o mundo existe?'- um mistério essencial.
No livro, os encontros do autor com mentes brilhantes e excêntricas, momentos muitas vezes cômicos, se alternam com trechos em que Holt faz uso de sua experiência como ensaísta de ciência e filosofia para explicar ideias fundamentais à investigação, como o infinito, o multiverso e a assustadora possibilidade do nada absoluto. E, conforme se aproxima de uma solução para o mistério da existência, o espectro da morte aos poucos se intromete em sua busca.


Acima de tudo, trata-se de uma busca extraordinária. Em 'Por que o mundo existe!'o que mais importa são as nuances de uma caçada intelectual e moral.

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest

Publicidade

vermelho