Publicidade

Anuncie
CapitalSUICÍDIO

Suicídio: Mulher de Defensor Público se mata

Crime aconteceu na noite desta segunda-feira (15)

Via Redação | Publicado por Redação | às 09:13:40

Foi registrado na noite desta segunda-feira (15), a morte de Cláudia Regina Brito Callado Cabral. Cláudia era casada com o Defensor Público Amarildo Cabral e a ocorrência aconteceu na Rua Sagitário, Carandá Bosque.

Conforme informações apuradas pelo site Conteúdo MS, no boletim de ocorrência, o marido chegou na residência do casal, por volta das 17h20 desta segunda. Ele estacionou na garagem e em seguida, os dois filhos desceram do carro e entraram na casa.

Poucos segundos depois, ouviu um dos filhos de seis anos chamar por ele, dizendo que a mulher estava caída no chão do quarto, com muito sangue em volta dela. O marido entrou no quarto, quando viu que a mulher já estava sem vida.a mulher usou uma Pistola Taurus calibre 380 que o marido relatou ser de sua propriedade.

A ocorrência foi atendida pelo Delegado Rodrigo Machado Camapum da DEPAC centro, que esteve no local e também a Polícia Militar e Civil, assim como a perícia, estiveram no local. A região possui câmeras de segurança, que ajudarão no trabalho da polícia, para descobrir se alguém esteve na casa. O caso foi registrado como morte a esclarecer.

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest

Publicidade

Anuncie