Publicidade

Anuncie
Interior

Polícia Civil é acionada em caso de zoofilia contra cadela em MS

A veterinária fez curativos e aplicou medicações no animal.

Via Redação | Publicado por Redação | às 05:42:20

A cachorrinha já medicada e com curativos. As imagens dos ferimentos são fortes e não divulgaremos. Foto: ONG Consciência Animal

Uma cachorrinha com graves ferimentos foi resgatada pela Organização Não Governamental (ONG) Consciência Animal, em São Gabriel do Oeste, nesta semana, e ao ser encaminhada para atendimento com médica veterinária, a mesma constatou que os ferimentos podem ser resultado de um abuso sexual. O caso foi registrado nesta quinta-feira (08), na Delegacia de Polícia Civil e será investigado.

De acordo com as informações dos voluntários à Polícia Civil, foram acionados na quarta-feira (07), para resgatar uma cadelinha que aparentava ter sido atropelada, pois, sangrava muito. A cachorrinha foi encaminhada para atendimento em clínica veterinária, onde após exames a médica afirmou que ela poderia ter sido vítima de abuso sexual.

Segundo relato da médica, o agressor teria puxado com tanta força que rasgou rabo e o ânus do animal. A veterinária fez curativos e aplicou medicações na cadelinha. Até a tarde desta quinta-feira o animal ainda não tinha conseguido defecar.

Os comunicantes não sabem quem poderia ter feito as agressões, mas suspeitam que teria ocorrido na noite de terça (06) para quarta-feira, no bairro Fênix, nas proximidades da Cargill.

O caso foi registrado como praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos (Artigo 32 da Lei número 9.605/98).

A Polícia Civil busca colaboração da população para identifica e localizar o suspeito, para denúncias entrar em contato através do telefone 3295.1480.


Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest

Publicidade

Campanha