Publicidade

Anuncie
Interior

Manifestantes liberam tráfego de veículos em rodovia na fronteira

Foram cerca de 24 horas de paralisação. Protesto era a favor do ex-presidente Evo Morales, que renunciou ao cargo

Via Redação | Publicado por Mariane Duarte | às 19:23:56

Trecho de rodovia foi liberada para os veículos (Foto: El Deber)

Os cerca de 2 mil manifestantes que trancavam trecho de rodovia que liga a Bolívia a Corumbá, distantes 419 km de Campo Grande, desde terça-feira (20) liberaram o tráfego de veículos depois de 24 horas.

De acordo com o Diário Corumbaense, o protesto era favorável ao ex-presidente Evo Morales, que renunciou ao cargo, e também ao partido Movimento ao Socialismo.

Os manifestantes queriam a renúncia da autoproclamada presidente Jeanine Añez e também pediam para que o Legislativo decidisse pela volta de Morales, solucionando a crise política do país.

Conforme o portal, os terminais rodoviários da fronteira voltaram a funcionar normalmente, mas em Santa Cruz de La Sierra os bloqueios permanecem em dois pontos, Cuatro Cañadas e San Julián, afetando que sai de ônibus para Beni. A rota para Cochabamba também está bloqueada em Yapacaní.

Com informações Campo Grande News

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest

Publicidade

Anuncie