Publicidade

Anuncie
Capital

Filho de sargento executado é achado morto em casa com tiro na cabeça

O militar era filho do sargento da Polícia Militar reformado, Ilson Martins Figueiredo, executado a tiros de fuzil AK 47 em 2018

Via REDAÇÃO | Publicado por Redação | às 14:19:33

Major Oéliton Santana de Figueiredo, quando deu entrevista para a reportagem em 2014. (Foto: arquivo/Campo Grande News)

O tenente-coronel da Polícia Militar, Oéliton Santana de Figueiredo, 44 anos, foi encontrado morto com tiro na cabeça na manhã desta segunda-feira (1º) na casa onde vivia, na Rua 2 de Outubro, no Bairro São Francisco, em Campo Grande. A suspeita é de que ele tenha cometido suicídio

Lotado na 5ª Companhia Independente de Polícia Militar, o militar era filho do sargento da Polícia Militar reformado, Ilson Martins Figueiredo, executado a tiros de fuzil AK 47 no dia 11 de junho do ano passado, na Avenida Guaicurus, aos 64 anos.

O tenente-coronel chegou a ser investigado no processo que envolvia fraude processual durante ocorrência envolvendo o policial rodoviário Ricardo Hyun Su Moon, no dia 31 de dezembro de 2016, que resultou na morte de Adriano Correia do Nascimento e duas pessoas baleadas. Em junho do ano passado, o tenente-coronel e mais dois PMs foram inocentados.

Procurada, a Polícia Militar informou que ainda hoje vai se manifestar a respeito em nota que será publicada no site da instituição.

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest

Publicidade

Anuncie