Publicidade

Anuncie
Cultura

Atrações brasileiras e internacionais levam novas linguagens ao público da Semana Pra Dança 2018

Um intercâmbio multicultural que favorece o público e os artistas da área.

Via Governo MS | Publicado por Redação | às 10:13:55

Com grande variedade de atrações, como apresentações, oficinas e debates, a Semana Pra Dança 2018 também se destaca por espetáculos brasileiros vindos dos estados de Minas Gerais e Goiás e de outros países, como Argentina, Alemanha e França. Um intercâmbio multicultural que favorece o público e os artistas da área.

Os espetáculos serão apresentados por grupos convidados pela Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, especialmente, para a Semana Pra Dança 2018: Cia. Fusion de Danças Urbanas (MG), Giro8 Cia. de Dança (GO), Combinado Argentino de Danza (CAD), Herman Diephius (França) e Geraldo Si (Alemanha/Brasil).

As apresentações navegam entre solos, intervenções urbanas e coreografias de palco que abusam das mais variadas influências, ampliando o diálogo cênico e possibilitando ao público conhecer mais da arte produzida no país vizinho e na Europa.

Veja a programação:

24.4 – Terça-feira – 20h30 – Teatro Prosa/Sesc Horto

Espetáculo Rota 40 | Combinado Argentino de Danza (Argentina)

A rota 40 atravessa Argentina. É como uma ferida, ou como um corte. É um caminho que nos aproxima e nos permite entender quem somos e como somos. Gaúchos? Pedreiros? Cachorros vira-lata? No meio desse caminho nos encontramos, nos percebemos e também aos demais. Através da nossa dança construímos um refúgio no meio do deserto só com a música, corpos e ventos que arrastam. Como se dança na Argentina? Assim como a Rota 40, estrada que liga a Argentina de norte à sul, o projeto é um espaço físico de encontro e descobrimento para as diferentes identidades que formam o país, esta ideia é o fio condutor da pesquisa coreográfica do espetáculo. Rota 40 mergulha nos caminhos estéticos percorridos pelo Combinado Argentino de Danza desde seu início. Duração: 50 minutos. Classificação Livre.

26.4 – Quinta-feira – 20h30 – Centro Cultural José Octávio Guizzo

Espetáculo Pai contra mãe | Cia Fusion de Danças Urbanas (MG)

Oito corpos dançantes trazem ao palco os desafios de ser negro e de ser mulher em uma sociedade ainda desigual e opressora. Inspirado no conto homônimo de Machado de Assis, “Pai contra mãe” busca, por meio da linguagem das danças urbanas, tematizar e promover reflexão acerca de questões que perpassam nossa memória e nosso presente, em que as feridas da escravidão do passado ainda não se cicatrizaram e se multiplicam pela associação de antigas, porém persistentes, e novas mazelas da nossa sociedade: o racismo, a violência, o sexismo, a ânsia por poder e a vaidade humana. Duração: 55 minutos. Classificação indicativa: 12 anos.

29.4 – Domingo – 20h30 – Teatro Prosa/Sesc Horto

Espetáculo Tremor and more | Herman Diephius (França)

Em outubro de 2016, Herman Diephuis conheceu o jovem dançarino brasileiro Jorge Ferreira durante um workshop em Brasília. Decidiu criar este solo curto especialmente para explorar a imensa capacidade de transformação do intérprete. O trabalho parte do tremor como movimento inicial, princípio, repetição e intervalo de tempo como condição para chegar a momentos de grande vigor físico, marcado por intervalos de quietude. Uma energia de dança ritual.

30.4 – Segunda-feira – 19h – Teatro Prosa/Sesc Horto

Performance Ibípio | Geraldo Si (Alemanha/Brasil)

Sons em movimento do espaço: tocando um ao outro, esbarrando-se, sobrepondo-se e encontrando-se. Seus recursos são o corpo e sua vitalidade. Em sua performance solo baseado no processo de criação contínua da improvisação, Geraldo Si explora os sons e o espaço e descobre novos mundos da música e do movimento.

30.4 – Segunda-feira – 21h30 – Brava / Calógeras, 3.100

Performance Dança Comigo | Giro 8 Cia de Dança (GO)

Dança Comigo é uma intervenção urbana da Giro8 Cia de Dança, criada para ser apresentada em espaços alternativos com intuito de aproximar o artista das pessoas em seu cotidiano, promovendo uma reflexão sobre o automatismo das relações humanas. Aproximar-se do outro, ofertar um sorriso, ofertar um abraço, ofertar uma dança, e por fim dançar com o outro! Trocar, Conectar, Tocar e Sentir, sensibilizando pessoas nos agitados centros urbanos. Esta Cia tem o apoio do Fundo de Arte e Cultura do Estado de Goiás 2016.

1º.5 – Terça-feira – 20h30 – Teatro Glauce Rocha/UFMS

Espetáculo SR. WILL | Giro8 Cia de Dança (GO)

Foto: Layza Vasconcelos

Por um lado, a explosão de estímulos proporcionados pelos meios eletrônicos; por outro, os mecanismos ocultos de controle social. Tudo no contemporâneo parece nos sequestrar da vida real para um outro tipo de experiência. “Sr. Will” leva à cena seis bailarinos e uma máquina manipulada e manipuladora para discutir como as relações humanas se constroem e se modificam neste contexto. “Sr. Will” alerta para a necessidade de dar voz ao desejo, sem limitações ou preconceitos, de entregar-se ao universo dos sentidos e de libertar-se do que aprisiona e faz mal. Esta Cia tem o apoio do Fundo de Arte e Cultura do Estado de Goiás 2016.

Semana Pra Dança

Abordando por múltiplos ângulos a produção contemporânea e a integração artística, a 12ª Semana Pra Dança, realizada pela Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS) em parceria com a Câmara Setorial de Dança de Campo Grande, reúne de 24 de abril a 1º de maio em diferentes pontos da Capital oficinas, mostras e apresentações. Tudo com entrada franca.

Este ano o evento contará com 30 atividades, entre apresentações, espetáculos, ações de formação em escolas, mostra de dança e oficinas. A meta é levar o encanto desta bela arte diretamente a um público de 5 mil espectadores. Outras 20 mil pessoas serão provocadas indiretamente a participar deste evento, seja por meio de divulgação direcionada ou da participação de programadores de festivais e mostras de dança de outros estados que acompanharão a nossa programação.

Quaisquer esclarecimentos e informações complementares sobre a Semana Pra Dança 2018 podem ser obtidos pelos telefones (67) 3316-9110 / 9169 ou pelo email (nucleodanca.fundacaocultura.ms@gmail.com).

Foto capa: Layza Vasconcelos

Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest

Publicidade

Campanha