Publicidade

Anuncie
TV

Após demissões, SBT tapa buraco do jornalismo com Chaves e reprises

Nas madrugadas de sexta para sábado, o SBT Notícias tinha pouco mais de duas horas e meia de duração.

Via Redação | Publicado por Redação | às 19:13:08

No primeiro fim de semana após demissões e o cancelamento do noticiário da madrugada, o SBT apelou para um velho conhecido de sua programação: o seriado Chaves. Além da comédia mexicana, para preencher o buraco deixado nas noites de sexta a domingo, a emissora de Silvio Santos esticou a exibição da série Supernatural e do programa O Crime Não Compensa, reprisou o SBT Brasil e reestreou o Jornal da Semana, gravado.

Nas madrugadas de sexta para sábado, o SBT Notícias tinha pouco mais de duas horas e meia de duração. Nas últimas quatro semanas antes de sair do ar, a atração teve média de 3,6 pontos no Ibope da Grande São Paulo.

Agora, em 22 de junho, das 3h19 às 3h57 foi reprisada a edição mais recente do SBT Brasil, que marcou 3,5 de audiência. Na sequência, teve início uma verdadeira maratona de Chaves: foram quatro horas de episódios do seriado mexicano. Das 3h57 às 6h, antiga faixa horária do jornalística, a média caiu para 2,8 pontos.

De sábado para domingo, a atração que era comandada pelas jornalistas demitidas Analice Nicolau e Karyn Bravo ocupava duas horas e meia da programação—começava por volta das 4h30 e acabava às 7h.

Para tapar o buraco, a emissora de Silvio Santos esticou em mais uma hora a série Supernatural, que já ficava mais de três horas no ar, e também reestreou o Jornal da Semana SBT. A atração, que não é exibida ao vivo, tinha sido encerrada em 2017.

O SBT Notícias ocupava mais de quatro horas da programação nas madrugadas de domingo para segunda. O noticiário ia ao ar depois da série documental O Crime Não Compensa, que agora, sem o jornalístico, ganhou três horas a mais.

Durante a semana, sem o SBT Notícias, o Primeiro Impacto passou a entrar no ar duas horas mais cedo, às 4h, para bater de frente com o Hora 1, da Globo. Dudu Camargo é quem assume o telejornal na madrugada. Para evitar conflitos nos bastidores, o queridinho de Silvio Santos e Marcão do Povo continuam dividindo o programa meio a meio, com cerca de três horas e 15 minutos para cada um.

A emissora está promovendo uma reestruturação no departamento de Jornalismo. Com o fim do SBT Notícias, Analice Nicolau e Karyn Bravo foram demitidas, assim como o âncora João Fernandes e uma parte da equipe do noticiário da madrugada.


Compartilhe esta matéria:

Google+
Tumblr
Pinterest

Publicidade

Campanha