{description}

Nove suspeitos de invasão no CT do Sporting devem depor à Justiça

Quem mais sofreu com a violência dos torcedores foi atacante Bas Dost

Responsável pelo caso da invasão de torcedores do Sporting ao CT do clube português, o Tribunal Criminal do Barreiro informou que nove dos 23 detidos na ocasião aceitaram colaborar com a justiça local. A informação foi confirmada pelo advogado de um dos presos.

Na tarde da última terça-feira (15), enquanto a equipe se preparava para a decisão da Taça de Portugal, cerca de 50 torcedores invadiram o centro de treinamento do Sporting e agrediram jogadores e funcionários. Até o técnico Jorge Jesus acabou sofrendo com a violência dos invasores e foi atacado com uma cabeçada.

Quem mais sofreu com a violência dos torcedores, no entanto, foi atacante Bas Dost, segundo informações da emissora CMTV. O goleador holandês acabou atingido por golpes nas pernas e na cabeça; o centroavante terminou a confusão com um corte chamativo na cabeça.

Segundo Pedro Madureira, advogado que defende ao menos um dos 23 detidos, após os depoimentos não será possível apontar "indícios suficientes para os detidos serem acusados de todos os crimes sobre os quais estão indiciados, principalmente de terrorismo".

Nesta quinta (17), torcedores do Sporting convocaram manifestação de protesto contra a diretoria do clube. (FOLHAPRESS)