{description}

Manifestantes contra e pró-Lula fazem ato na Praça dos Três Poderes

Grupos se reuniram na frente do Supremo Tribunal Federal (STF) às 18h. Um total de 900 pessoas estiveram no local

O julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva mobiliza protestos em todo o país. Grupos a favor e contra o petista se manifestaram, no fim da tarde desta terça-feira (23/1), na Praça dos Três Poderes. Segundo a Polícia Militar, havia cerca de 500 pessoas favoráveis à prisão do político e 400 contrárias.

Intitulada de “Ato em Defesa da Justiça”, a demonstração que cobrava punição a Lula foi organizada pelo movimento Vem Pra Rua. No mesmo local, a militância petista fazia uma “vigília cultural” em defesa do ex-presidente. Por volta das 20h30, o público começou a deixar o local.

Os atos ocorrerão sob os olhos das forças de segurança, as quais possuem planejamento estratégico e estão “preparadas” para atuar, segundo o governo. A Secretaria da Segurança Pública disse, em nota, que está verificando possíveis manifestações não formalizadas.

Lula foi condenado, em primeira instância, a 9 anos e 6 meses de prisão. O veredito foi dado pelo juiz federal de Curitiba (PR) Sérgio Moro. Amanhã, no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), em Porto Alegre (RS), os desembargadores decidem se mantêm a decisão, absolvem o ex-presidente – como quer a defesa – ou aumentam a pena imputada por Moro – conforme pretende o Ministério Público Federal (MPF).