{description}

Confundido com ladrão, homem com problemas psicológicos é espancado

A vítima disse que os autores da agressão se confundiram

Marks Diego da Silva Ávalo, 27 anos, foi confundido com um ladrão na manhã desta quinta-feira (06), e acabou espancado por um grupo de homens que desferiram socos e chutes contra Marks. O caso aconteceu na Rua Periaco, cruzamento com a Rua Caramuru, no Guanandi, região do Anhanduizinho em Campo Grande. 

A equipe do Jornal Correio do Estado, chegou no momento em que Marks era levado à ambulância. Segundo a equipe médica, a vítima aparentou ter transtornos psicológicos no momento do atendimento. 

Marks falou com o jornal ainda dentro da ambulância, ele disse teria sido abordado por um grupo de três homens que não foram identificados. Os homens se aproximaram e já começaram o xingar e o agredir. Marks disse que o homens falavam que tinha sido ele autor de um roubo, mas ele negou a autoria e disse que os homens se enganaram. 

Segundo os socorristas, a vítima teve cortes no rosto e tinha um dos olhos com inchaço. 

Após receber primeiros socorros na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Leblon, a vítima aguardava vagas para ser transferido a um hospital. O caso será investigado pela polícia.